sábado, 30 de junho de 2012

esse cara

quando fica só
encontra alguém
calado, parecido com ele,
cansado e resignado,
orgulhoso do vazio
de uma alma amarela.
pensa que engana, mas
não, n'um sorriso falso
denuncia a mentira
de uma alegria forçada
que ninguém vê
que ninguém viu -
mas é sorriso
diria o narciso
é, pode até ser
ou um gesto mecânico
inconsciente
fingindo segurança,
coitado -
está sozinho
não são duas pessoas

terça-feira, 12 de junho de 2012

não tem sentido

era o que estava escrito
no título do texto.
isso não impedia
de fazer você procurar
uma associação simbólica,
a tal justificativa razoável
para sua interpretação. 
porque você tem fome, 
e quem tem fome, come.
- precisa -
há uma necessidade aí:
orgânica, física.
a mesa não serve a dúvida
- enjoativa -
serve a certeza.
e você se lambusa,
se sacia, mesmo que fria.
há uma necessidade aí -

parabéns 
por não perder
a inocência